4 dicas imperdíveis para atrair público para o seu marketplace

Há um tempo atrás participei de um evento onde tive o privilégio de assistir a uma palestra do Neil Patel, considerado como influenciador top na web, rankeado entre os 10 melhores profissionais de marketing e reconhecido como um dos 100 melhores empreendedores até 30 anos pelo presidente Obama e como um dos melhores até 35 anos pelas Nações Unidas.
Durante seu discurso, Neil Patel deu algumas dicas importantes, que adapto aqui para que o dono do marketplace consiga utilizar para atrair o público para o seu marketplace:

  • Criar lista de top 10

Quando estamos trabalhando inbound marketing (técnicas de atração de público via conteúdo) uma boa forma de criar artigos é utilizando listas com um certo número de dicas. Eu já ouvi essa dica de diversos especialistas de marketing, e a explicação para ela é que psicologicamente as pessoas estão mais abertas a lerem conteúdo que sabem exatamente o que esperar. Então se você especifica 3 dicas, a pessoa sabe que vai iniciar o texto, terá uma lista com as 3 dicas que ela poderá executar com passo a passo e finalizar.
Para esse artigo por exemplo, eu utilizei esta dica e formatei o texto com “4 melhores dicas…”. E se você está lendo, é porque a técnica funcionou e você se sentiu atraído por ele.
Se você então tem um marketplace que vende roupas femininas você pode por exemplo criar um artigo chamado “5 dicas para ficar com um look incrível no ano novo”, ou ainda, “3 passos para se arrumar perfeitamente para uma reunião de negócios”.
Já se você tem um marketplace que vende serviços de pequenos reparos residenciais você pode criar um artigo “3 dicas para escolher bem o seu torneiro mecânico”, ou também “10 melhores formas de manter a sua casa sempre nova”.
Outra parte importante é sempre adicionar uma imagem ou foto para cada dica, de forma a deixar o texto mais atraente.

 

  • Escrever certa quantidade de palavras

Ainda dentro da técnica de inbound marketing, ao se escrever um texto é importante que o mesmo tenha pelo menos 2000 caracteres. Isso irá permitir que seu texto tenha uma quantidade de caracteres que o posicione melhor numa busca orgânica (aquela em que o usuário realiza a busca e clica num resultado exposto que foi encontrado sem necessidade de pagamento de campanhas de adwords) nos melhores buscadores, como por exemplo da Google. Ser encontrado de forma orgânica ajuda a reduzir muito o investimento em marketing do seu marketplace e com certeza você vai querer gastar menos e vender mais no seu e-commerce certo?

 

  • Preparar conteúdo internacional

O fundador da CrazyEgg explicou que existem mais pessoas no mundo que falam espanhol do que pessoas que falam português. Portanto, esse é um público alvo importante se você já está planejando a internacionalização do seu marketplace. Países como México, Colômbia e Chile tem uma boa atratividade de e-consumers (consumidores de e-commerce) e podem ser um bom investimento para venda do seu produto.
Para que isso funcione, você precisa realizar tradução manual do seu texto ao invés de robôs de tradução automática, e realizar a escrita em espanhol da Espanha, que é mais utilizado do que de outras regiões. Também é importante utilizar SEO (Search Engine Optimization – técnica de otimização para melhorar a busca orgânica do seu marketplace) em espanhol.

 

  • Utilizar influenciadores

Os influenciadores são pessoas reconhecidas no seu ramo, e que normalmente utilizam-se de canais como redes sociais, blog e youtuber para influenciar os consumidores. Uma boa opção para aumentar o tráfego do seu marketplace é utilizar os influenciadores para “evangelizarem” seus consumidores e leva-los até seu shopping virtual.
Neil Patel estabelece que o ideal é realizar cerca de 20 postagens com influenciadores, que devem ocorrer toda semana. Cada post deve conter uma nova imagem, sem repetição, e deve direcionar sempre para o seu marketplace.
A cada mês você deve adicionar mais influenciadores na sua lista, realizando uma troca periódica. Planeje de forma que cada campanha com influenciador dure 1 mês, com média de 4 posts, 1 por semana.
Os influenciadores cobram para realizar as campanhas em seus canais. Neil Patel indica que não se pague mais do que algumas centenas de reais por campanha para que o custo de divulgação não seja muito alto.
Uma outra forma de conseguir posts de influenciadores é oferecendo um produto grátis para o seu influenciador. Normalmente eles realizam um post de agradecimento citando a marca, as vezes postando a foto do produto. Para quem não é fabricante e só realiza intermediação no marketplace, uma outra opção pode ser enviar um brinde da marca, ou ainda uma promoção que seja muito atrativa e exclusiva.

 

Espero que essas dicas ajudem vocês a vender mais no seu marketplace! Fiquem a vontade para comentar, deixar sugestões ou dúvidas no nosso blog.

E se você está planejando lançar o seu marketplace, experimente grátis nossa plataforma, participe de um demo ou fale com um consultor para tirar suas dúvidas.

Erica Castilho, CEO da N2N Virtual

N2NTalks traz episódio sobre como montar a estratégia de atração do seu marketplace

No dia 10/01 foi apresentado no programa N2NTalks um episódio sobre estratégia de atração do seu marketplace.  Erica Castilho, CEO da N2N Virtual, entrevistou Adriana Vale, especialista em estratégias para dar dicas na gestão do seu shopping virtual.  O programa N2NTalks vai ao ar no youtube quinzenalmente, e foi criado pela N2N Virtual, empresa que permite a qualquer pessoa criar e gerenciar seu próprio marketplace com baixo custo, agilidade e suporte tecnológico.

Entre os assuntos abordados, elas conversaram sobre o problema inicial do marketplace:  atrair primeiro compradores ou vendedores, e explicaram que o gestor do marketplace deve tratar ambos como clientes, criando estratégias de atração de cada um.  Inicialmente, é necessário atrair vendedores para que tenham produtos cadastrados e posteriormente atrair compradores.  Essa estratégia é cíclica, pois você inicia com uma quantidade de vendedores, começa a atrair compradores e depois retorna para vendedores. Além disso, é importante traçar a estratégia segmentando por região, ou público alvo, por exemplo, assim você reduz os custos com marketing.

Durante o programa também foi abordado que o investimento em marketing no negócio de e-commerce é muito importante.  No Brasil a taxa de conversão de e-commerce fica na média de 1%.  Ou seja, a cada 1000 pessoas que entram no seu marketplace 10 realmente compram alguma coisa.  Por isso, investir em marketing digital utilizando recursos como Google Adwords, redes sociais, blog, parceria com blogueiras, dentre outras é essencial.

Erica e Adriana falaram ainda sobre competitividade, explicando que dentre as formas de diferenciação da concorrência está a qualidade de atendimento do marketplace.  Deram também algumas dicas sobre como navegar num mundo que não entre em concorrência com grandes players do mercado.

Veja o vídeo na íntegra abaixo:

 

 

A N2N Virtual lançou sua solução voltada para B2B2C em 2016, e validou o MVP com 700 empresas.  Agora já conta com dezenas de marketplaces lançados e está em tração do seu negócio.  A marca já participou de programas como Iniciativa Jovem da Shell, incubação na IETEC da CEFET/RJ, Inovativa Brasil e premiações para participação de missões empresariais para o Vale do Silício, Londres Tech City e Paris. Com posicionamento global, a plataforma já foi lançada para funcionar em qualquer língua e qualquer moeda.

Lance agora mesmo o seu marketplace!

Entre em contato conosco!