8 dicas do que não fazer na Black Friday

Esse ano a black friday será realizado no dia 23 de novembro. Esse é um evento muito esperado pelos consumidores, que desejam avidamente aproveitar as promoções. Tradicionalmente esta é uma data que inaugura a temporada de compras natalinas, e ocorre um dia após o dia de Ação de graças nos Estados Unidos, ou seja, celebra-se no dia seguinte à quarta quinta feira do mês de novembro.

Esta festividade foi inicialmente criada nos Estados Unidos e foi se expandindo para o restante do mundo através da tecnologia e globalização. Como complemento ao evento existe também a cyber monday, que é um dia dedicado às compras pela internet e que se celebra na segunda feira depois da ação de graças. (Wikipédia)
Para que os gestores de marketplace se preparem para esses dias, criei uma lista com algumas ações que NÃO devem ser realizadas pelos shoppings virtuais:

 

 

 

 

 

1 – não infle seus preços 
No Brasil já se tornou um mau hábito de algumas empresas aumentarem o preço dos produtos algumas semanas antes para depois abaixarem no black friday com intuito de dizer que estão oferecendo desconto. Mas já existem aplicativos e outros recursos que mostram ao consumidor o preço que o produto estava sendo vendido anteriormente é isso desmascara essa técnica, que eu considero bem anti ética. Muitos consumidores inclusive já apelidaram no Brasil o evento de black fraude devido a essa prática. Então não use nunca esse recurso no seu marketplace.

 

 

2- não perca sua margem de lucro 
Toda promoção para ser realizada precisa ser bem calculada. Não adianta você criar promoções para vender mais e perder sua faixa de lucro. Tem empresa que vende até por valor menor do que o custo de compra, e isso pode te levar à falência. Por isso, vale a pena sentar, verificar o custo de compra, entrega, armazenamento, marketing e etc, colocar tudo na ponta do lápis antes de realizar a precificação que você pode atingir no seu marketplace.

3- não deixe o planejamento para última hora
Para conseguir fazer seu dever de casa direitinho não adianta deixar tudo para última hora. É importante deixar um tempo para planejamento de forma a ter uma execução impecável e evitar dor de cabeça. Se você atua com diversas equipes, comece a dividir as tarefas com antecedência, verifique o prazo que cada um precisa, case os entregáveis de uma equipe para outra para que o trabalho flua com sucesso.
Um ponto chave de sucesso para o marketplace na blackfriday é manter uma boa parceria com os sellers (vendedores). Cada um deles precisa também entrar no clima e criar promoções únicas para o período.

4- não fique quieto
Não adianta ter todo o trabalho de planejar e executar promoções do black friday no seu marketplace se você não anunciar o que está fazendo. Tem uma frase interessante que diz “se até a galinha cacareja quando bota ovo, o empreendedor tem que cacarejar também”. Deixe seu público alvo conhecer suas promoções e as ações que está fazendo. Sente com sua equipe de marketing e já estruture todas as ações de anúncios que vai usar. Redes sociais, google Ads e e-mail marketing boas sugestões. Lembre-se também de validar se o ROI do investimento será válido.

5- não ultrapasse sua capacidade
Lembre-se sempre que você tem uma capacidade de venda no seu marketplace. Verifique se os recursos tecnológicos estão de acordo com o que você planejou. Na N2N virtual atuamos com Cloud exatamente para conseguir ampliar recursos tecnológicos sempre que necessário a fim de aguentar o aumento de acesso nos marketplaces dos clientes.
Outros itens que devem ser verificados é se você é os sellers tem os produtos em estoque, se o prazo de entrega configurado poderá ser cumprido, se a sua equipe de SAC conseguirá atender os clientes a tempo de não perder as vendas e criar um plantão 24h para atendimento quando necessário.

6 – não crie metas não atingíveis 
Lembre-se que o objetivo do black friday é aumentar as vendas, e por isso é necessário criar metas de vendas atingíveis. Pense em qual lucro deseja obter, número ou volume de produtos a serem vendidos, novos clientes a serem atraídos, ticket médio, retorno de clientes… Mas crie sempre metas que você possa atingir de acordo com o investimento que está disposto a investir.

7- não tente competir em preço com os grandes 
Os grandes marketplaces conseguem sempre preços melhores com fornecedores devido ao grande número de compras que realizam. Lembre-se que você não conseguirá competir pelo preço, então estabeleça outras estratégias de competição. Produtos exclusivos, serviço diferenciado, atendimento personalizado, entre outros, são ótimas técnicas para conseguir se destacar.

8 – não coloque tudo em promoção 
Defina no seu marketplace os produtos que mais valem a pena colocar em promoção. Pense na concorrência e no que você pode oferecer melhor. Pense também na sua estratégia de giro. Produtos que normalmente já vendem muito provavelmente não terão muita diferenciação no black friday, mas produtos parados no estoque ou que estão para sair de linha podem ser uma excelente alternativa para ampliar as vendas.

Espero que essas dicas te ajudem a vender mais no seu marketplace. E se você deseja experimentar gratuitamente nossa plataforma fale com um consultor ou crie um trial.
Aproveite para aprender mais sobre gestão de marketplace com nossos curso no N2NSchool.

Erica Castilho, Dra Marketplace.

4 dicas imperdíveis para atrair público para o seu marketplace

Há um tempo atrás participei de um evento onde tive o privilégio de assistir a uma palestra do Neil Patel, considerado como influenciador top na web, rankeado entre os 10 melhores profissionais de marketing e reconhecido como um dos 100 melhores empreendedores até 30 anos pelo presidente Obama e como um dos melhores até 35 anos pelas Nações Unidas.
Durante seu discurso, Neil Patel deu algumas dicas importantes, que adapto aqui para que o dono do marketplace consiga utilizar para atrair o público para o seu marketplace:

  • Criar lista de top 10

Quando estamos trabalhando inbound marketing (técnicas de atração de público via conteúdo) uma boa forma de criar artigos é utilizando listas com um certo número de dicas. Eu já ouvi essa dica de diversos especialistas de marketing, e a explicação para ela é que psicologicamente as pessoas estão mais abertas a lerem conteúdo que sabem exatamente o que esperar. Então se você especifica 3 dicas, a pessoa sabe que vai iniciar o texto, terá uma lista com as 3 dicas que ela poderá executar com passo a passo e finalizar.
Para esse artigo por exemplo, eu utilizei esta dica e formatei o texto com “4 melhores dicas…”. E se você está lendo, é porque a técnica funcionou e você se sentiu atraído por ele.
Se você então tem um marketplace que vende roupas femininas você pode por exemplo criar um artigo chamado “5 dicas para ficar com um look incrível no ano novo”, ou ainda, “3 passos para se arrumar perfeitamente para uma reunião de negócios”.
Já se você tem um marketplace que vende serviços de pequenos reparos residenciais você pode criar um artigo “3 dicas para escolher bem o seu torneiro mecânico”, ou também “10 melhores formas de manter a sua casa sempre nova”.
Outra parte importante é sempre adicionar uma imagem ou foto para cada dica, de forma a deixar o texto mais atraente.

 

  • Escrever certa quantidade de palavras

Ainda dentro da técnica de inbound marketing, ao se escrever um texto é importante que o mesmo tenha pelo menos 2000 caracteres. Isso irá permitir que seu texto tenha uma quantidade de caracteres que o posicione melhor numa busca orgânica (aquela em que o usuário realiza a busca e clica num resultado exposto que foi encontrado sem necessidade de pagamento de campanhas de adwords) nos melhores buscadores, como por exemplo da Google. Ser encontrado de forma orgânica ajuda a reduzir muito o investimento em marketing do seu marketplace e com certeza você vai querer gastar menos e vender mais no seu e-commerce certo?

 

  • Preparar conteúdo internacional

O fundador da CrazyEgg explicou que existem mais pessoas no mundo que falam espanhol do que pessoas que falam português. Portanto, esse é um público alvo importante se você já está planejando a internacionalização do seu marketplace. Países como México, Colômbia e Chile tem uma boa atratividade de e-consumers (consumidores de e-commerce) e podem ser um bom investimento para venda do seu produto.
Para que isso funcione, você precisa realizar tradução manual do seu texto ao invés de robôs de tradução automática, e realizar a escrita em espanhol da Espanha, que é mais utilizado do que de outras regiões. Também é importante utilizar SEO (Search Engine Optimization – técnica de otimização para melhorar a busca orgânica do seu marketplace) em espanhol.

 

  • Utilizar influenciadores

Os influenciadores são pessoas reconhecidas no seu ramo, e que normalmente utilizam-se de canais como redes sociais, blog e youtuber para influenciar os consumidores. Uma boa opção para aumentar o tráfego do seu marketplace é utilizar os influenciadores para “evangelizarem” seus consumidores e leva-los até seu shopping virtual.
Neil Patel estabelece que o ideal é realizar cerca de 20 postagens com influenciadores, que devem ocorrer toda semana. Cada post deve conter uma nova imagem, sem repetição, e deve direcionar sempre para o seu marketplace.
A cada mês você deve adicionar mais influenciadores na sua lista, realizando uma troca periódica. Planeje de forma que cada campanha com influenciador dure 1 mês, com média de 4 posts, 1 por semana.
Os influenciadores cobram para realizar as campanhas em seus canais. Neil Patel indica que não se pague mais do que algumas centenas de reais por campanha para que o custo de divulgação não seja muito alto.
Uma outra forma de conseguir posts de influenciadores é oferecendo um produto grátis para o seu influenciador. Normalmente eles realizam um post de agradecimento citando a marca, as vezes postando a foto do produto. Para quem não é fabricante e só realiza intermediação no marketplace, uma outra opção pode ser enviar um brinde da marca, ou ainda uma promoção que seja muito atrativa e exclusiva.

 

Espero que essas dicas ajudem vocês a vender mais no seu marketplace! Fiquem a vontade para comentar, deixar sugestões ou dúvidas no nosso blog.

E se você está planejando lançar o seu marketplace, experimente grátis nossa plataforma, participe de um demo ou fale com um consultor para tirar suas dúvidas.

Erica Castilho, CEO da N2N Virtual

N2NTalks: 6 dicas sobre os cuidados legais na gestão do marketplace

Foi ao ar no dia 25 de janeiro às 21h mais um episódio do programa N2NTalks, abordando temas legais para gestão do seu marketplace.  Erica Castilho, CEO da N2N Virtual, Rafael Grão, advogado especialista em contestação e defesa de causas de consumo, com experiência de mais de 10 anos na área jurídica.  O programa N2NTalks vai ao ar no youtube quinzenalmente, e foi criado pela N2N Virtual, plataforma que permite a qualquer pessoa criar e gerenciar seu próprio marketplace com baixo custo, agilidade e suporte tecnológico.

O episódio discursou sobre a corresponsabilidade do gestor do marketplace durante uma compra no seu e-commerce.  Rafael informou que mesmo que o dono do marketplace não realize a entrega do produto ou serviço, para a legislação como ele visa lucro na ele se torna corresponsável, e no caso de um processo pode ser condenado a pagar danos materiais e morais.  Por esse motivo, Rafael e Erica indicam que o marketplace tome ações para se precaver de possíveis processos, como por exemplo:

  1. CRIE REGRAS PARA OS VENDEDORES
    Realizar um bom contrato com seus vendedores (sellers) estabelecendo todas as regras do que pode ou não ser feito e quais penalidades podem ocorrer. Para isso, Rafael indica a contratação de uma boa consultoria jurídica;

 

  1. CRIE REGRAS PARA OS COMPRADORES
    Descrever bem suas políticas de troca, cancelamento e devolução para o consumidor, sabendo que a legislação permite que o cliente possa realizar essas ações até 7 dias corridos após a entrega já que se trata de uma compra não presencial. Para essa ação também é necessária consultoria jurídica;

 

  1. ESCOLHA BEM OS VENDEDORES
    Acompanhar os vendedores para verificar se existem reclamações, se estão realizando a entrega, entre outros. Para esta ação a N2N virtual permite que os gestores de marketplace realizem a moderação dos vendedores e produtos, realizando uma revisão antes de aprovar que os mesmos fiquem disponíveis para o vendedor.  Além disso, também é possível reprovar algum vendedor caso infrinja alguma norma do marketplace. Para acompanhar as reclamações, a N2N Virtual também disponibiliza através de uma parceria com certificadora de reviews, o recurso de pontuação do produto ou serviço após compra.

 

  1. ASSEGURE A ENTREGA
    Acompanhar todo o processo de entrega para garantir que o consumidor realmente recebeu o produto ou serviço que adquiriu. Nesse ponto, Erica explicou que a N2N Virtual já permite inclusive o bloqueio do pagamento do vendedor durante um período para que o dono do marketplace possa fazer a devolução caso necessário.  O bloqueio pode ser realizado de duas formas: o gestor do marketplace recebe todo o valor e depois repassa para o vendedor (nesse caso é necessário se cadastrar e aderir a nova regulamentação do BACEN que vigora a partir de setembro de 2018), ou dentro do Split de pagamento (ato em que durante a compra já é realizada a divisão de pagamento para seus proprietários) realizar o bloqueio do pagamento por alguns dias ou fazer a liberação manualmente.

 

  1. CALCULE OS PRAZOS
    Calcular corretamente os prazos de entrega para evitar atrasos e falhas. Para esta diretriz, a N2N Virtual permite que seja somado ao prazo de entrega o prazo de preparação / empacotamento do produto.  Além disso, Erica também indica que seja colocado um período de margem de risco para evitar atraso por conta das falhas das transportadoras, além da contratação do seguro do transporte para que seja possível reembolsar o cliente.

 

  1. REALIZE O SAC
    Garantir um bom atendimento, acompanhando as reclamações dos clientes. Nesse caso, a N2N Virtual já disponibiliza no marketplace do cliente telefone e e-mail do SAC de forma bem acessível para que o cliente entre em contato.  Além disso, ela oferece em seu programa de benefícios uma parceria com desconto para uso de um software de gestão de atendimento.

 

Veja abaixo o episódio sobre cuidados jurídicos na íntegra:

Para quem desejar entrar em contato com o Rafael Grão, o email dele é rafagrao@msn.com.

O próximo episódio do programa N2NTalks vai ao ar no dia 08/02 às 21h, abordando o tema sobre divulgação do marketplace na mídia.

 

A N2N Virtual lançou sua solução voltada para B2B2C em 2016, e validou o MVP com 700 empresas.  Agora já conta com dezenas de marketplaces lançados e está em tração do seu negócio.  A marca já participou de programas como Iniciativa Jovem da Shell, incubação na IETEC da CEFET/RJ, Inovativa Brasil e premiações para participação de missões empresariais para o Vale do Silício, Londres Tech City e Paris. Com posicionamento global, a plataforma já foi lançada para funcionar em qualquer língua e qualquer moeda.

 

 

Por: Erica Castilho, CEO da N2N Virtual

www.n2nvirtual.com.br  |  erica@n2nvirtual.com.br

CEO da N2N virtual desde 2014. Mais de 15 anos de experiência em desenvolvimento de software para e-commerce em grandes empresas. Palestrante sobre marketing digital, e-commerce e empreendedorismo. Mestre em Informática com ênfase em gerência de projetos pela UFRJ, bacharel em Sistemas de Informação, especialista em Marketing Digital.

Foto da Freepik

N2NTalks: Aprenda sobre os cuidados legais na gestão do seu marketplace

O próximo episódio do N2NTalks já vai sai do forno! Dia 25/01 às 21h ao vivo, confiram os cuidados legais na gestão do seu marketplace via youtube.  Aproveitem para fazer as perguntas ao vivo e esclarecer suas dúvidas!

Erica Castilho, CEO da N2N Virtual, entrevista Rafael Grão, advogado especialista em contestação e defesa de causas de consumo, com experiência de mais de 10 anos na área jurídica.

N2NTalks traz episódio sobre como montar a estratégia de atração do seu marketplace

No dia 10/01 foi apresentado no programa N2NTalks um episódio sobre estratégia de atração do seu marketplace.  Erica Castilho, CEO da N2N Virtual, entrevistou Adriana Vale, especialista em estratégias para dar dicas na gestão do seu shopping virtual.  O programa N2NTalks vai ao ar no youtube quinzenalmente, e foi criado pela N2N Virtual, empresa que permite a qualquer pessoa criar e gerenciar seu próprio marketplace com baixo custo, agilidade e suporte tecnológico.

Entre os assuntos abordados, elas conversaram sobre o problema inicial do marketplace:  atrair primeiro compradores ou vendedores, e explicaram que o gestor do marketplace deve tratar ambos como clientes, criando estratégias de atração de cada um.  Inicialmente, é necessário atrair vendedores para que tenham produtos cadastrados e posteriormente atrair compradores.  Essa estratégia é cíclica, pois você inicia com uma quantidade de vendedores, começa a atrair compradores e depois retorna para vendedores. Além disso, é importante traçar a estratégia segmentando por região, ou público alvo, por exemplo, assim você reduz os custos com marketing.

Durante o programa também foi abordado que o investimento em marketing no negócio de e-commerce é muito importante.  No Brasil a taxa de conversão de e-commerce fica na média de 1%.  Ou seja, a cada 1000 pessoas que entram no seu marketplace 10 realmente compram alguma coisa.  Por isso, investir em marketing digital utilizando recursos como Google Adwords, redes sociais, blog, parceria com blogueiras, dentre outras é essencial.

Erica e Adriana falaram ainda sobre competitividade, explicando que dentre as formas de diferenciação da concorrência está a qualidade de atendimento do marketplace.  Deram também algumas dicas sobre como navegar num mundo que não entre em concorrência com grandes players do mercado.

Veja o vídeo na íntegra abaixo:

 

 

A N2N Virtual lançou sua solução voltada para B2B2C em 2016, e validou o MVP com 700 empresas.  Agora já conta com dezenas de marketplaces lançados e está em tração do seu negócio.  A marca já participou de programas como Iniciativa Jovem da Shell, incubação na IETEC da CEFET/RJ, Inovativa Brasil e premiações para participação de missões empresariais para o Vale do Silício, Londres Tech City e Paris. Com posicionamento global, a plataforma já foi lançada para funcionar em qualquer língua e qualquer moeda.

Lançamento do programa N2N Talks sobre gestão de marketplaces

A N2N Virtual está lançando o N2N Talks, um programa com vídeos de conteúdo sobre marketplace que será transmitido gratuitamente no youtube com intuito de preparar os donos de marketplace para ter mais sucesso em seus negócios.

De acordo com Erica Castilho, CEO da N2N Virtual, muitos dos clientes da N2N Virtual estão iniciando no mercado de e-commerce, e por isso demandam de maior atenção e treinamento sobre negócios.  Para atender essa necessidade, a N2N Virtual criou um programa online que vai capacitá-los em assuntos que normalmente recebemos mais perguntas.  Com a possibilidade de realização ao vivo, os participantes poderão interagir com perguntas e receber respostas.

Para dar o pontapé inicial sobre o assunto, vamos iniciar ao vivo no dia 10/01 às 19h com o tema “Como montar a estratégia de atração do seu marketplace”, onde a nossa CEO, Erica Castilho, entrevista a Adriana Vale, especialista em estratégias.  Adriana Vale é Mestre em Gestão de Negócios pela Hodges University, EUA, empresária, professora de pós graduação da FACHA, mentora e avaliadora de várias bancas consagradas no mercado como InovAtiva, Iniciativa Jovem Shell, entre outros. Com 21 anos de experiência em Gerência de Produtos, Marketing, Planejamento Estratégico e Inteligência de Mercado, atuou durante 18 anos em multinacionais como GSK,IBM, Coloplast, Fresenius, Bank of America USA e apresentou um projeto de CRM de sua autoria no Vale do Silício em 2012. Hoje trabalha com projetos de viabilidade e posicionamento de negócios e desenvolveu um programa de gestão de negócios eficiente, orientando empreendedores a gerir melhor seus recursos em prol de melhores resultados.

Para assistir ao primeiro conteúdo do programa clique aqui.

 

Tema: Como montar a estratégia de atração do seu marketplace

Data: 10/01/2018 às 19h via youtube

Participação: Erica Castilho e Adriana Vale

Não perca!

Lançamento: cadastro de SKU de produtos

A N2N Virtual lançou mais uma funcionalidade para melhorar a usabilidade (user experience) dos gestores de marketplaces e seus vendedores: implementamos o conceito de sku (variação de produto) na nossa plataforma.

O termo Stock Keeping Unit (SKU), em português Unidade de Manutenção de Estoque está ligado à logística de armazém e designa os diferentes itens do estoque, estando normalmente associado a um código identificador.[1] Um posto de gasolina pode trabalhar com quatro SKUs (gasolina sem chumbo, com chumbo, aditivada e diesel) e um hipermercado pode trabalhar com 60 mil SKUs, pois qualquer diferença na mercadoria (tamanho, cor, sabor), mesmo sendo de uma mesma marca, representa um SKU diferente.[1]

Dois exemplos:

Um caminhão está carregado com 100 caixas de leite gordo e 50 caixas de leite magro, logo carrega dois SKUs.
Falar de 300 SKUs é o mesmo que falar de 300 artigos que se distinguem todos entre si.

Para saber essa funcionalidade, acesse:
https://webmoment.zendesk.com/hc/pt-br/articles/115002945533?mobile_site=true

Entenda a nova regulamentação do BACEN para marketplaces

 No dia 01/09/17 às 10h a N2N virtual em parceria com a MOIP vão realizar um hangout ao vivo para explicar sobre a nova regulamentação do BACEN para marketplaces.  Entenda como será a nova forma de cobrança, quem são os impactados, qual o prazo de adequação e as soluções a serem adotadas.

Hangout: Entenda sobre fraudes nas compras por e-commerce

A N2N Virtual em parceria com a Clearsale vão realizar um hangout ao vivo no dia 31/08/17 às 11h explicando sobre fraudes que ocorrem nas compras por e-commerce. Receba informações sobre a quantidade de fraudes que ocorrem por ano, que tipo de fraude existe (compra com cartão adulterado, roubado, etc), quem é o responsável no caso de marketplaces, como os donos de marketplaces podem se precaver, qual é o custo normalmente que isso causa para os e-commerces e a importância do anti fraude como seguro para evitar problemas.

Para realizar a sua inscrição clique aqui.

Lançamento: Loja individual do vendedor

Foi lançada uma nova funcionalidade para o seu marketplace: agora cada vendedor / fornecedor terá uma URL própria para divulgar sua loja, onde aparecem apenas os seus produtos individualmente.  Ele também poderá inserir um banner, vídeo e um mini resumo, que será exibido na loja.
Este recurso é muito importante para os vendedores conseguirem fazer a divulgação da loja que possuem dentro do seu shopping virtual, aumentando ainda mais o número de visitantes.
Esse é um recurso opcional, que funciona a partir do plano startup. Confira neste artigo como ativar a funcionalidade.

Lance agora mesmo o seu marketplace!

Entre em contato conosco!